sábado, 14 de setembro de 2013

Volúpia e suspiros


Volúpia e suspiros
Imaginação no ar
A busca dos teus toques
Do teu cheiro
O perfume se espalhou no quarto
Nos envolvendo em momentos
Na entrega total de nossos corpos
Do nosso sexo...
As mãos que percorrem
Cada cantinho um do outro
E somos tão fogosos
E é gostoso sentir esse calafrio
Esse cio
Que apenas quem se entrega assim
É que sente
E eu sinto!
O teu Poder em mim
O teu olhar de menino lindo
Que sem palavras ordena
Me percorre a alma
E depois de tanto amar
Vamos deitar
Quero o ar nos pulmões que o amor levou
Quero o grito na garganta que me sufocou
Quero o teu beijar
Quero tua essência
E eu, sou a própria indecência
Sou simplesmente amor
E somos seres únicos na arte de amar
Quero tudo de novo
Vamos recomeçar?


Auxiliadora RS
21/07/2011  11:57

2 comentários:

Irene Moreira disse...

Um poema que transmite a essência do amor, do sexo, da paixão em cada detalhe.
Gostei muito do seu cantinho!
Obrigado pela visita a M@myrene
Beijos

Maria Alice Cerqueira disse...

Querida amiga,
Saudades!
Uma linda tarde para você!
Abraço amigo!
Maria Alice
Htts://www.facebook.com/mariaalicefcerqueira
http://www.mariaalicecerqueira.com/
http://www.mariaalicecerqueira.com.br