sexta-feira, 3 de junho de 2011

Na sexta-feira...


O dia amanhece devagar
Posso ver o raiar do dia pela janela
Sinto o calor do teu corpo ao meu
Teu respirar nos meus seios
E percebo
Você comigo está!
Hoje é o bendito dia
Sexta-feira que me consome
Que me come, me devora
Dilacera a minh`alma
E a dor volta
Sou que nem vampiro
Que teme o nascer do dia
Eu temo as sextas-feiras benditas.
Lembranças insistente
Lembrancas da minha mente
De dias de solidão
Lembranças que meu coração
Ainda não esqueceu
Beijo o teu rosto
Seguro a tua mão
Teu corpo estremesse, queima de tesão
E me puxas devagarinho
De mansinho,
Me tomas,
Me domas
E num beijo, calas as minhas dúvidas
E novamente me amas...
 

Auxiliadora RS
03/06/2011  08:45

9 comentários:

leandroaleixo disse...

Muito bonito!!! E bm interessante!

allmylife disse...

Auxi um viva as novas sextas-feiras mais felizes e enamoradas!!
Vc merece!! Minha designer de blog.. rs
=** bom fds p vc

Catia Bosso disse...

Ufa, deu calor !!!!!!!
És boa neste tipo de poesia, Amiga. rsrs

Grata pelo carinho de sempre.

Bjs e miados

Catita

Poema as Bruxas disse...

Tem situações que é melhor evitar ... eu tbem não perdoaria.
Ja me afastei de muita gente por causa apenas e insenuações,...

Obrigada pela visita e pelo belo comentario vc cativou fundo o que eu quis passar.

Ah e não posso esquecer de comentar.
Que bela poesia , caliente.

bjos e tenha uma linda noite

MAILSON FURTADO disse...

Belo post!

Arnoldo Pimentel disse...

Muito bonito o poema, obrigado pela visita, também gostei muito do seu espaço poético, já te sigo, beijos.

Will disse...

Bonito amanhecer...abç e boa semana

C. disse...

Você é toda romântica e embriagada de paixao, Auxi, eu acho um barato! Nunca perca isso, essa fantasia, isso alimenta a relação né!

Vieira Calado disse...

Olá, boa noite!

Não conhecia o blog.

Achei-o interessante e variado.


Saudações poéticas